domingo, 2 de julho de 2017





As drogas não desaceleram o meu coração quando ele chama por você, tão pouco calam as vozes da minha mente quando insistem em te querer. 





quinta-feira, 27 de abril de 2017








te escreverei até que a minha primeira lembrança de amor não seja mais você









quarta-feira, 3 de fevereiro de 2016

Alergias, manias e preferências.
Cismas, medos e precauções.
Desejos, ambições e sonhos.
Defeitos, alma e sinceridade.

De você eu tive tudo.

Chocolate amargo,café toda manhã e cerveja Stella Artois nos fins de semana. Do sal que você usa até a sua coberta quentinha nos dias frios, eu estou presa em cada detalhe e para você será impossível me esquecer enquanto viver.


sexta-feira, 22 de janeiro de 2016

Descobriu nos olhos de cigana uma face sensitiva que jamais permitiu que fosse você o desencadeador do amor.
Ela, grandiosa, cheia de si, não esperou que a escolhesse para amar e deu-lhe todo amor.
Face fria do desconhecimento, escrever-te é manter-te vivo, salvando um amor que não precisa da sua presença para sobreviver.
Cheia de si, cheia de si.
Repete ela tentando acreditar que para te amar você nem precisa existir, não existe. 
Cheia de si, convencida de que para você esta sendo bem pior, aqueles que fogem vivem de sombras, e revivem a dor a cada lembrança.
Cheia de si, ignorou o esquecimento e foi viver.



terça-feira, 12 de janeiro de 2016

quinta-feira, 7 de janeiro de 2016